segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Feliz Ano Novo!



Não devo ficar triste enquanto existir uma Luz divina, um Céu sem nuvens e eu desfrutando de todas as belezas do Criador...
Quando estou amedrontada, me sentindo solitária ou até mesmo não feliz... posso sair a passear, fazer uma caminhada, ficar ao sol para ganhar energia... ÂNIMO E GENEROSIDADE e olhar o Céu lindo, a natureza que o Senhor me oferece...
Toda a SANTÍSSIMA TRINDADE está interessada em minha felicidade...
A beleza esplêndida da natureza e a simplicidade que a mesma me inspira me faz me sentir mais amena...
Sempre terei o Teu Consolo para toda e qualquer não alegria, independentemente de qualquer circunstância... acredito na força da natureza e no conforto que ela pode dar a todos os que sofremos por algo ou pela falta de alguém...
Olho sempre à janela e contemplo Deus e fico feliz de novo...
A felicidade interior que ganho de  Ti, a alegria de contemplar à natureza... me restitui a saúde e recaptura a minha felicidade...
Não almejo riqueza, prestígio, pois tudo pode ser perdido...
A felicidade, entretanto, Tu a pões em meu coração e estará sempre por cá, enquanto eu viver pois Tu és o Senhor da Bondade
Me fazes olhar para fora de mim, Senhor, começando por casas ao redor e pelo Céu que me rodeia...
Afastai o medo de mim, Pai!!!
Que o Novo Ano corra com fluidez (não rigidez) dentro de mim!


Em sua Mão o Senhor tem uma taça com um vinho de mistura inebriante.
(Sl 74)

Feliz Novo Ano a todos nós!

sábado, 29 de dezembro de 2012

Como eu Gostaria que meu Filho se Lembrasse de mim?




A alegria particular que sentia a cada constatação da gravidez de cada um em particular: único momento...

O enxoval para o nascimento de cada um era feito com muito esmero e carinho mas eles não podem se lembrar... só vendo as fotos e meditando...

Gostaria de que eles se lembrassem das festinhas de aniversário que lhes fazia a cada ano... cada uma mais linda!

Gostaria de deixar marcado o empenho da minha parte pela educação de cada um... colocando sempre nos melhores colégios (fazendo sacrifícios) a fim de que pudessem ser independentes quando fossem "gente grande"...

Gostaria de que observassem a minha luta para dar-lhes o conforto necessário e em especial, depois da educação, os brinquedos a cada fase para o seu desenvolvimento em todos os níveis do seu ser...

Também queria que meditassem que eles foram meus melhores amigos em todo tempo e que não desejei ser distante deles... partilhava tudo de dificuldade... concedia-lhes alegrias que eu podia na minha condição...

Gostaria de que eles sentissem o quanto foram, são e serão AMADOS... como não amo a ninguém... eles são a primazia em meu coração... mesmo tendo outros amores...

Enfim, que os valores deixados por mim  para eles sejam uma forma de sentirem-se, extremamente, bem vindos ao meu mundo de mãe que ama incondicionalmente... haja o que houver!

Não são só os filhos que são uma benção, mas também os filhos dos filhos são “a coroa dos velhos” 
(Provérbios 17,6).

Uma feliz iniciativa da querida Nina do blog:

domingo, 23 de dezembro de 2012

Oração Pelos Meus Filhos




"Senhor, quero te louvar e agradecer pela vida dos meus filhos.
Eles representam para mim a manifestação do Teu amor em nosso lar.

É uma grande responsabilidade prepará-los para a vida,
por isso dá-me recursos e sabedoria para saber o melhor.

Que eu posa amá-los, compreendê-los e ensinar-lhes o caminho certo.

Dá-lhes saúde, inteligência, capacidade, amor e Tua proteção.
Que o Teu anjo esteja com eles em cada passo que derem.
Que eu possa ser para eles, o pai/mãe amoroso(a), sincero(a) e amigo(a),
que precisarem em qualquer fase de suas vidas.

Entrego meus filhos em tuas mãos, confiante que serão abençoados em tudo por Ti.

Amém. "





domingo, 16 de dezembro de 2012

Mãe Má


Mãe Má e suas pérolas:


Eu os amei o suficiente para não ter ficado em silêncio e fazer com que vocês soubessem que aquele novo amigo não era boa companhia.



Eu os amei o suficiente para os deixar ver além do amor que eu sentia por vocês, o desapontamento e também as lágrimas nos meus olhos.


Mais do que tudo, eu os amei o suficiente para dizer-lhes não, quando eu sabia que vocês poderiam me odiar por isso (e em alguns momentos até odiaram).


Essas eram as mais difíceis batalhas de todas. Estou contente, venci .... Porque no final vocês venceram também!



E em qualquer dia, quando meus netos forem crescidos o suficiente para entender a lógica que motiva os pais e mães, quando eles lhes perguntarem se sua mãe era má, meus filhos vão lhes dizer:

“Sim, nossa mãe era má. Era a mãe mais má do mundo ...”.


Ela insistia sempre conosco para que lhe disséssemos sempre a verdade e apenas a verdade.

E quando éramos adolescentes, ela conseguia até ler os nossos pensamentos.
A nossa vida era mesmo chata. 




 Por causa de nossa mãe, nós perdemos imensas experiências na adolescência: nenhum de nós esteve envolvido com drogas, em roubo, em atos de vandalismo, em violação de propriedade, nem fomos presos por nenhum crime.

FOI TUDO POR CAUSA DELA!


Agora que já somos adultos, honestos e educados, estamos fazendo o nosso melhor para sermos PAIS MAUS, como foi nossa mãe.


EU ACHO QUE ESTE É UM DOS MALES DO MUNDO DE HOJE: Não há suficientes mães más.''

(Dr. Carlos Hecktheuer)


Cromos antigos

Alta noite, lua cheia,
O casarão dormita.
Mas nesta pobre casita,
Um peito de mãe anseia.

Da filhinha mal palpita
o pulso. O doutor receia...
Outra filha pequenita
Dorme perto a tudo alheia.

Mas, acorda de repente;
E, ao ver ali tanta gente
Junto ao bercinho da irmã,

Exclama a chorar, sentida:
-Por que não sou tão querida?
Como a irmãzinha, mamã?
(Abilio Barreto)

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Mãe Invisível


Minhas Pérolas



Aquele que dá ensinamentos a seu filho será louvado por causa dele, e nele mesmo se gloriará entre seus amigos.

(Eclo 30)




A borboleta

Trazendo uma borboleta,
Volta Alfredo para casa.
Como é linda! É toda preta,
Com listas douradas na asa.

Tonta, nas mãos da criança,
Batendo as asas, num susto,
Quer fugir, por fim, cansa,
E treme, e respira a custo.

Contente, o menino grita:
É a primeira que apanho,
Mamãe! E como é bonita!
Que cores e que tamanho!

Como voava no mato!
Vou sem demora pregá-la
Por baixo do meu retrato,
Numa parede da sala.

Mas a mãe, com carinho
Lhe diz,: Que mal te fazia,
Meu filho, esse animalzinho,
Que livre e alegre vivia?

Solta essa pobre coitada!
Larga-lhe as asas, Alfredo!
Vê como treme assustada...
Vê como treme de medo...

Para sem pena espetá-la
Numa parede, menino,
É necessário matá-la:
Queres ser um assassino?

Pensa Alfredo... E, de repente,
Solta a borboleta... E ela
Abre as asas livremente,
E foge pela janela.

Assim, meu filho! Perdeste
A borboleta dourada
Porém na estima crescente
De tua mãe adorada...

Que cada um cumpra a sorte
Das mãos de Deus recebida:
Pois só pode dar a Morte
Aquele que dá a Vida.
(Olavo Bilac)


quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Retrospectiva Pessoal


Neste ano tive a alegria de conhecer a querida Patrícia do Blog Café Entre Amigos e participei com ela e os seus amigos de algumas Coletivas que ela nos  facilitou:
















Não pude participar de todas por motivo de Missão e viagens...



O ano sempre começa bem com o níver do filhote no dia 9...

E no Carnaval tem netinho fantasiado...


Nascimento das minhas sobrinhas netas...


No Dia das Mães, o almoço foi um delicioso churrasco numa prendada churrascaria do local em que moramos...


Passeios ao Shopping com netinhos é uma delícia!!!


Desembarquei inúmeras vezes nos Aeroportos do Brasil ou em Missão ou para ver familiares...


Conhecer o Projeto TAMAR foi   valioso...


Na Páscoa, ter tido a família toda reunida foi precioso demais!


Meu filhote ter participado e ter ficado entre os finalistas foi vitória familiar...


A festa de 3 anos do meu Blog foi linda demais!




O níver de 5 aninhos do netinho foi show!


Nossos encontros mensais de convivência pré estabelecidos foram cumpridos com amor fraterno..





Pisei o solo da Bolívia uma vez mais depois de seis anos...

.
Vamos encerrar, com o níver de 1 aninho do caçulinha da família... que se dará na próxima semana...


Enfim, foi um ano de realizações e alegrias e, justamente por isso, propus também mais uma Blogagem Coletiva a todos no dia 15 próximo:

Ainda dá tempo de você participar!
Vem conosco somar alegrias!


Aproveitando o ensejo para desejar a todos, desde já, um Feliz Natal 2012!


E, para você, querida Patrícia, receba essas flores com carinho fraternal e  que, em 2013, você venha com o mesmo ânimo e generosidade a nos proporcionar criatividade como neste que se finda... Obrigada por nos permitir entrelaçar novas amizades...

http://www.cafeentreamigos.com/


OBRIGADA POR TUDO, SENHOR DEUS!


terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Brinquedo que não Ganhei


8ªBC CAFÉ ENTRE AMIGOS - PRESENTES QUE DESEJEI E NUNCA GANHEI
Participando da feliz iniciativa do Blog:
http://www.cafeentreamigos.com/




Sempre fui a sonhadora de boneca nas mãos...
Até os doze anos ganhei a última...


Mas não pude ter uma que se chamava Amiguinha da Estrela muito cara na época...
Em contrapartida, minha filhota me fez feliz ao tê-la... comprada nas LA no ES... presente que lhe dei aos sete aninhos...

Eis, finalmente, as duas bonequinhas que tive e  uma amiguinha e tanto (até os dias atuais):




Ah! Ganhei a Chapeuzinho Vermelho do meu padrinho e como gostei!

Como Deus é bom!
Realiza todos os nossos sonhos no Tempo dele que é sempre o melhor!

A garotinha fala

Sou bonita, sou mimosa...
-Quem de vocês, diz que não?-
Sou pequenina e graciosa,
Como uma flor em botão.

Dizer talvez não convenha
Que sou travessa demais...
Mas, juro, não há quem tenha
Maior afeto aos seus pais.


Como uma flor pequenina
A sorrir sobre o altar,
Meu sorriso de menina
Perfuma e alegra o meu lar.


Sou bonita, sou mimosa,

Como uma flor em botão;
E, sendo embora vaidosa,
Eu tenho um bom coração.
(Correa Júnior)




Sou do Tempo que...



Nossa quarta Blogagem Coletiva- "Sou do tempo que..."
Uma interessante iniciativa do Blog:
http://www.cafeentreamigos.com/












Onde o nosso pai era o nosso melhor amigo...
Em todas as fases da nossa vida...
Comigo foi bem assim!!!



Meu trem de ferro

O meu trenzinho
Vive a correr,
Lindas paragens
A percorrer.

Se está no rio,
Cidade Luz
Que a toda gente
Prende e seduz.

Corre a São Paulo,
Terra ideal.
Terra bendita,
Monumental!

E depois volta
Para acolá,
Vivendo, assim,
pra lá...pra cá...

Meu trem de ferro
Como é feliz!
Ele conhece
Todo o país!

Conhece a terra
Do céu de anil,
A nossa Pátria,
O meu Brasil!
(Máximo de Moura Santos)



Customizado por Meri Pellens.